Homens podem sofrer com baixa testosterona. Saiba identificar os sinais!

Situações de cansaço, bem como perda de libido podem estar relacionados a perda hormonal.

Postado em 27/09/2017.

O efeito hormonal na personalidade das mulheres é bastante conhecido, em especial durante as fases de TPM. Apesar disto, nos homens esta situação também pode acontecer, os homens também são afetados pela produção hormonal. A testosterona, que está presente no organismo masculino acaba por influenciar o comportamento, bem como o desempenho sexual e características físicas.

É importante caso esta situação ocorra, incluir a dosagem de testosterona nos exames de rotina, que devem ser acompanhadas frequentemente, já que uma baixa dosagem pode ser um sinal de alerta para problemas com a deficiência hormonal no futuro. De forma geral, os níveis adequados de testosterona ficam entre 300 a 900 nanogramas por decilitro de sangue.

Em contrapartida, diversos homens sofrem com taxas reduzidas do hormônio e mais cedo do que o esperado, gerando assim diversas alterações e muitos sintomas no corpo inteiro, sendo necessário muitas vezes uma reposição hormonal. Situações de obesidade e doenças crônicas, entre elas a bronquite e problemas cardíacos são alguns dos fatores que podem gerar alterações hormonais.

Confira algumas situações onde se pode identificar a baixa testosterona no homem.

Homens podem sofrer com baixa testosterona. Saiba identificar os sinais!

Pouco interesse sexual

Este é um sintoma comum e específico para que se possa desconfiar dos baixos níveis de testosterona no organismo. É possível ainda perceber uma situação de disfunção erétil, um sinal mais claro poderá ser a falta de ereções matinais, além disto, homens com esta característica possuem maiores chances de sofrer com infertilidade, mas os baixos níveis de testosterona por si raramente são a única razão para as ereções mais fracas, outros problemas como diabetes, doenças cardíacas e problemas de pressão alta ou baixa também podem estar associados a esta situação.

Situações de cansaço excessivo

A condição de fadiga é um efeito bastante comum que ocorre quando o homem possui baixos níveis de testosterona. Esta condição acontece, pois, o hormônio está relacionado com a produção das energias, e as taxas reduzidas acabam por refletir na forma de cansaço. O cansaço e a falta de disposição além disto precisam aparecer em um conjunto com vários tipos de sintomas associados a quantidades de testosterona, já que sozinhos poderão servir de indicativo para diversos problemas de saúde.

Os pensamentos confusos e problemas de memória

Os hormônios masculinos de testosterona agem de forma direta no sistema nervoso central masculino, o que deve incluir áreas responsáveis pela situação de cognição e de concentração. A partir disto, os baixos níveis hormonais também acabam se traduzindo como um tipo de dificuldade para manter a concentração nas atividades ou ainda assimilar conceitos determinados. Uma consequência desta falta de atenção poderá ser a dificuldade em se concentrar ou em memorização.

Situações de mudanças de humor

Conforme informações divulgadas por endocrinologistas, baixos níveis dos hormônios estão relacionados de forma direta ao caso de depressão masculina na terceira idade. A testosterona age no sistema nervoso, e uma mudança na sua produção acaba afetando situações de bem estar e o humor dos homens. A partir disto, o resultado é um tipo de sentimento maior de tristeza, o que poderá evoluir para uma doença séria.

O acúmulo de gordura corporal

Quando a testosterona não está devidamente adequada, é possível que o homem ganhe gordura na região abdominal. Tudo porque os músculos que ele perde se transformam em gordura, este tipo de mudança ocorre em especial na cintura. Caso você não esteja em uma construção muscular adequada, seu corpo acaba deixando de utilizar alimentos que você ingeriu para esta finalidade, e acaba por transformar basicamente tudo no seu organismo em gordura.