7 Dicas para melhorar o seu desempenho na musculação

A combinação entre aparelhos e peso livre é uma estratégia interessante e eficiente para ganho de força.

Postado em 15/05/2018.

Na musculação, temos basicamente o levantamento de peso, seja ele com halteres ou ainda aparelhos específicos, o objetivo principal está na hipertrofia dos músculos. A carga de treinamento da musculação por sua vez, poderá sofrer uma série de mudanças no caso da execução dos exercícios variarem de acordo com as séries. São muitas possibilidades de treinamento da musculação, estes que dependem exclusivamente da execução dos exercícios.

Na musculação, alguns truques podem sim fazer toda a diferença, e explicam inclusive por que aquele seu amigo que começou a fazer exercícios junto de você ou depois, pode estar com o corpo mais definido.

7 Dicas para melhorar o seu desempenho na musculação

Aprenda a melhorar seu desempenho na musculação:

Comece diminuindo as suas séries e aumentando suas cargas

Os professores normalmente indicam pelo menos três séries de doze ou quinze repetições de uma mesma carga para um exercício. Procure porém manter as três séries, mas varie as cargas, e o número de repetições. Comece com doze movimentos no peso que você encerrou o último treino e aumente na segunda série fazendo dez movimentos, para finalizar, procure aumentar o peso novamente e faça mais oito repetições.

Procure combinar os exercícios

Ao invés de fazer um exercício de cada vez, procure combinar dois deles para um mesmo músculo, intercalando desta forma as séries de um e de outro. Este processo deverá agilizar o ganho de massa, já que exige um pouco mais dos músculos, potencializando assim o treinamento de forma geral.

Volte a sua carga bem devagar

Ao erguer o peso, procure fazer o movimento com total intensidade. Vale a pena chegar ao limite voltando devagar, ao retornar á posição de repouso, as fibras musculares irão sofrer microlesões, fazendo desta forma com que a recuperação possa levar a um aumento significativo de músculos.

Procure esgotar os seus músculos

Após realizar três repetições habituais dos exercícios, procure diminuir o peso no aparelho, vale a pena colocar uma carga de nível leve e repita rapidamente o exercício, diversas vezes. Ao sentir seu músculo queimar procure parar, assim seu músculo deverá trabalhar o limite e é obrigado a se fortalecer com bastante urgência. Evite excessos para não ter lesões que impeçam você de treinar.

Trabalhe os músculos grandes

Esta prática exige um maior esforço, e os músculos pequenos acabam atuando como auxiliares. Vale a pena treinar o peito antes de treinar o bíceps, treine também o quadríceps antes de estimular seus glúteos.

A combinação de aparelhos e peso livre dever acontecer

Exercícios com peso livre normalmente são mais complexos de executar, enquanto o exercício com o aparelho acaba isolando melhor os músculos.

Aumente sua carga

Ao invés de ficar um mês trabalhando uma mesma carga, procure trocar de peso a cada treino conforme sua capacidade, esta prática acaba estimulando seus músculos a se desenvolverem melhor. Além disto, procure esperar um minuto, repetindo a série com mais potência, o intervalo é necessário para garantir toda a intensidade do treinamento.