Aprenda a forma correta de cozinhar arroz, esta é a forma correta

O arroz é o queridinho dos alimentos em qualquer lugar do mundo, mas você sempre o cozinhou de forma errada.

Postado em 09/06/2018.

Já está confirmado que o arroz é um dos alimentos mais consumidos no mundo inteiro. Ele possui também uma série de desvantagens, principalmente quando falamos do arroz branco. Mesmo que seja um alimento delicioso e prático de fazer, o arroz branco aumenta o peso e também o risco de diabetes do tipo 2.

Em apenas uma xícara de arroz branco, temos em torno de 200 calorias, e o pior é que estas calorias são formadas somente de amido, algo que é quase sem nutrientes.

Ao perceber estas informações, faremos um post para ensinar a forma de reduzir os valores de calorias e acrescentar ainda mais nutrientes neste alimento.

Aprenda a forma correta de cozinhar arroz, esta é a forma correta

Você não precisa de nada além de um óleo de boa qualidade como o óleo de coco para cozinhar o arroz.

Qual o truque para cozinhar o arroz de forma excelente?

O truque para cozinhar o arroz foi criado pelo pesquisador Sudhair James, este que faz parte da Faculdade de Ciências Químicas do Sri Lanka.

O cozimento conta com um truque bastante simples, você deverá preparar o arroz normalmente.

A única diferença é que antes de o levar na água fervente, você deverá colocar um pouco de óleo de coco. A quantidade ideal de óleo é de 3% da quantidade de arroz que você pretende cozinhar.

Como exemplo, podemos citar que se você utilizar 100 gramas de arroz, procure utilizar pelo menos 30ml de óleo.

Assim que tiver tudo pronto, procure colocar o alimento na geladeira por pelo menos 12 horas.

Ao invés de refogar o arroz procure fazer isto, ferva a água e coloque o óleo de coco, e apenas depois procure colocar o arroz.

Deixe então terminar o seu cozimento e espere esfriar e coloque o arroz na geladeira por 12 horas.

O método pode parecer estranho mas veja a explicação.

Explicação do cozimento do arroz

A explicação para este processo é algo simples, ao refogarmos o arroz no começou ou cozinhamos de outras formas, tornamos o amido facilmente digerível, permitindo nosso corpo o converter facilmente em açúcar e posteriormente em glicogênio para finalmente o armazenar em uma forma de gordura.

O procedimento de cozimento de arroz branco em água fervente, sem refogar acaba o tornando extremamente difícil na digestão do mesmo, diminuindo assim a possibilidade de que ele se transforme em gordura.

A adição dos lipídios, no caso o óleo de coco ou qualquer outra boa gordura culinária, acaba reduzindo de forma drástica a proporção de amido facilmente digerível.

Isto quer dizer que o óleo reage com o amido e automaticamente modifica a sua estrutura. Outra informação relevante é que o esfriamento do arroz na geladeira auxilia a deixar o amido na sua forma mais difícil de digerir, desta maneira o arroz se torna menos calórico menos após ser reaquecido e consumido no outro dia por exemplo.